Em agosto de 1980, seis rapazes que gostavam de tocar se uniram no Rio de Janeiro e começaram o que se tornou a banda mais antiga em atividade do Brasil com a formação original. Roupa Nova coleciona hits, arrasta uma multidão de fãs por onde passa e esbanja carisma nos palcos. Apesar do tempo de estrada, a banda afirma que não pensa em parar.

Na semana em que o grupo realizou um show na 103ª Festa Junina de Votorantim, o sexteto afirmou ao G1 que, apesar do cansaço e da rotina desgastante, continua unido.

“Não existe aposentadoria para a gente, nós seremos o Roupa Nova até o fim. Apesar de estarmos cansados e não sermos mais os sonhadores de quando começamos, amamos cantar e vamos continuar fazendo até quando Deus permitir”, disse Cleberson.

Os integrantes da banda, que têm entre 60 e 68 anos, disseram que o segredo sobre ser a banda mais antiga em atividade no país é se reinventar e conquistar novos fãs.

“O público cresce, amadurece e novos fãs também aparecem. Nosso trabalho, embora estejamos na estrada há quase 40 anos, é atual. A gente se ama muito, isso também é muito importante”, diz.

Novo trabalho
No show realizado na sexta-feira (23), o grupo anunciou um novo projeto. Segundo eles, três músicas novas foram lançadas no site do Roupa Nova e os fãs poderão escolher qual delas ganhará um clipe.

Questionados sobre um trabalho especial para a comemoração dos 40 anos da banda, Cleberson disse que estão focados no novo projeto, chamado “As Novas do Roupa”.

“Serão 12 músicas lançadas ao longo desses próximos meses e estamos muito felizes em poder apresentar algo novo para o público, sem deixar de lado nossos sucessos. Além das novas músicas, este projeto vai render quatro novos clipes”.
Ao G1, o grupo disse que há parcerias com alguns artistas neste novo trabalho, porém, ainda não pode revelar quem são. Então, basta aos fãs esperarem.

Leave a Reply